Você está no prêmio:

Prêmio Top Goiás de Comunicação 2017

Prêmio Top Goiás de Comunicação 2017

regulamento

1) REGRAS GERAIS
1.1) O Top Goiás de Comunicação é um prêmio que objetiva estimular a produção de cases de marketing goianos, através da premiação e divulgação daqueles que demonstrarem ter utilizado com maior propriedade e criatividade, as ferramentas de comunicação.
1.2) Os cases deverão ter ocorrido em 2016, devendo ser reais em todos os seus dados.
1.3) Poderá candidatar-se ao prêmio qualquer agência de comunicação instalada em Goiás, que venha a se inscrever em conformidade com este regulamento, disponível aos interessados no site www.contatocomunicacao.com.br/premios. Para qualquer tipo de informação utilizar o telefone 62 3224-3737.
1.4) O prêmio terá um Comitê Executivo dirigido pelo editor da revista Marketing em Goiás, Iúri Rincon Godinho. Este Comitê será o responsável pelo julgamento dos cases, podendo convidar outros pessoas para comporem o Comitê, desde que eles não tenham negócios com os inscritos ao prêmio.
2) INSCRIÇÕES
2.1) Para a validade da inscrição é necessário preencher a ficha de inscrição.
2.2) As inscrições poderão ser feitas pela internet, no endereço do item 1.3. O pagamento da inscrição poderá ser efetuado em depósito bancário, tornando-se obrigatório o envio do comprovante via fax (62 3224-3737) ou pelo email ana@contatocomunicacao.com.br. A conta para o depósito é: Contato Comunicação Ltda, Banco Itaú, Agência 0147, Conta Corrente 24636-7. PAG SEGURO
2.3) O valor para a inscrição é de R$ 120,00 por cada case.
2.4) Quando uma empresa inscrever mais de um case, cada um deles será considerado uma nova inscrição. LIMITE 10 CASES
2.5) O prazo limite para a entrega do formulário de inscrição é 21 de abril de 2017.
3) APRESENTAÇÃO DOS CASES
3.1) A descrição dos cases deve conter:
- Definição do problema
- Objetivos
- Estratégias adotadas
- Peças desenvolvidas (anúncios em rádios, TVs, jornais, internet ou outros; spots, VTs, cartazes, folders, etc)
- Resultados alcançados (informações qualitativas e quantitativas que evidenciem, de forma clara, seus méritos para tornar-se case vencedor)
- Apresentação institucional da empresa inscrita
- Logomarca da empresa inscrita
3.2) A não observância do estabelecido neste artigo implicará a desclassificação do Case.
3.3) Todos os inscritos podem anexar todo o material diretamente no site.
3.4) Os textos com definição do problema, objetivos, estratégias adotadas, resultados alcançados e a apresentação institucional da empresa deverão ser anexados no site, obrigatoriamente, em Word (.doc), podendo conter gráficos, fotos ou qualquer outro recurso gráfico para melhor ilustrar.
3.5) Spots devem ser anexados em formato WAV ou MP3.
3.6) VTs devem ser anexados em formato MPEG ou AVI.
3.7) Anúncios em impressos, outdoors, anúncios para internet, cartazes, folders, etc, devem ser anexados em JPEG ou TIFF, com 300 DPIs de resolução.
3.8) Durante a avaliação, o Comitê Executivo poderá solicitar informações adicionais.
4) PREMIAÇÃO
4.1) Os cases vencedores serão agraciados com o troféu PRÊMIO TOP GOIÁS DE COMUNICAÇÃO 2017, entregue para o responsável de cada categoria vencedora.
4.2) Os cases vencedores serão divulgados em aba própria no portal www.intermidiasweb.com.br no mês de maio de 2017.
4.3) Os cases vencedores serão divulgados no facebook intermidiasweb no mês de maio de 2017.
4.4) Os cases vencedores terão link no portal e no facebook para o site de cada ganhador.
4.5) Em nenhuma hipótese, haverá divulgação dos cases não premiados. Também, não se tornará pública a relação dos concorrentes inscritos.
4.6) A decisão do Comitê é irrecorrível e soberana e não há obrigatoriedade de premiar todas as categorias.
4.7) Os primeiros colocados serão informados com antecedência sobre o resultado.
4.8) Pode haver mais de um premiado por categoria, desde que o júri assim decida.
4.9) IMPORTANTE: Os cases só devem ser inscritos se os responsáveis aceitarem este regulamento na totalidade. A inscrição pressupõe a aceitação incondicional do regulamento e resultados, de acordo com a deliberação do Comitê do prêmio.
5) CATEGORIAS
MARKETING DE INCENTIVO:
Case de incentivo à melhoria do desempenho, para um público-alvo definido (equipe de vendas, pontos de venda, atacadistas e/ou distribuidores, etc), que tenha se destacado pela criatividade e/ou resultados alcançados.
MARKETING INSTITUCIONAL:
Ações e campanhas que contribuíram para a construção e/ou consolidação da marca corporativa.
MARKETING DE VAREJO:
Ações e campanhas que contribuíram para o desenvolvimento comercial de algum cliente.
MARKETING DE GOVERNO:
Ações e campanhas que contribuíram para a imagem ou resultados do poder público, seja ele estadual ou municipal.
MARKETING DE EVENTOS:
Estratégias e técnicas bem sucedidas em eventos voltados a iniciativas mercadológicas (de cunho cultural, esportivo, comercial) ou, ainda, fortalecimento da imagem de marca ou de instituição.
PRODUTOS EM GERAL:
Desenvolvimento e lançamento de um produto (ou família de produtos) ou estratégia de sucesso na consolidação de imagem da marca de produtos já existentes.
PRODUTOS VAREJO:
Desenvolvimento e lançamento de um produto (ou família de produtos) de varejo ou estratégia de sucesso na consolidação de imagem da marca de produtos já existentes.
PRODUTOS IMOBILIÁRIOS:
Desenvolvimento e lançamento de um produto (ou família de produtos) do mercado imobiliário ou estratégia de sucesso na consolidação de imagem da marca de produtos já existentes.
SERVIÇOS:
Desenvolvimento e lançamento de novas linhas de prestação de serviços (ou família de serviços) ou consolidação de imagem da marca de serviços já existentes. Englobando também as ações e modelos de gestão dos canais de distribuição.
MÍDIA DIGITAL:
Cases bem sucedidos na internet que apresentem grande desenvolvimento tecnológico incorporando ações de marketing.
REDES SOCIAIS:
Cases bem sucedidos que usem prioritariamente as redes sociais.
TERCEIRO SETOR:
Programas ou projetos sociais de iniciativa privada ou pública, englobando ações de gestão interna e externa de responsabilidade social. O projeto inscrito nesta categoria não pode ter fins lucrativos.
AGÊNCIA DE PROPAGANDA:
Case de marketing desenvolvido por agência que a tenha reposicionado no mercado ou aumentado sua participação.
6) CATEORIAS ESPECIAIS
6.1) Como forma de incentivar o mercado, e usando os mesmos critérios deste edital, o júri escolherá cases de sucesso de veículos de comunicação, nas seguintes categorias:
6.1.1) TV
6.1.2) Impresso
6.1.3) Rádio
6.1.4) Internet
7) CRITÉRIOS DE JULGAMENTO
A) Inovação em qualquer fundamento das estratégias de marketing, que tenha contribuído para o resultado alcançado.
B) Evidência de foco no cliente final.
C) Indicadores que mostrem a contribuição da estratégia de marketing para consolidação da marca (corporativa, do serviço ou do produto), aí incluídas as inovações criativas adotadas.
D) Indicadores que mostrem melhores resultados empresariais medidos por aumento na participação de mercado, faturamento, rentabilidade e inovações tecnológicas.